1º SOLARES BRINCANTES – Encontro de Mulheres Brincantes do DF

1º SOLARES BRINCANTES – Encontro de Mulheres Brincantes do DF

logo- azul mais forte  A voz e suas asas. Avós e suas asas. As asas das avós. Estas mesmas que geraram humanidades e aqui chegam ressoando. A cada tempo e geração, as vozes emergem… Em lamentos, em obediências, gritos, e também revoltas, versos, cantos, em minutos de silêncios. O corpo do futuro sempre foi antigo e em cada voz de avó também se encosta. Para o futuro, suas vozes enviam os ecos da liberdade. Quem brinca sabe da potência do que pode vir a ser liberdade. Brincar é ciência velha, faz alquimia com o Tempo e cura as histórias nos mais longínquos imaginários.

   Em nossa cultura popular, brincar é mistério zelado por quem veio antes, resistindo e se atualizando a cada roda acesa pelo som, pelas vozes, pelo pulsar. Em fúria, em amor, driblando talvez não a morte, mas o triste destino, os engenhos, os latifúndios, as prisões.São muitos os quintais brincantes, e o que atravessa todos eles é a comunhão de diversos mundos encantados, que transcendem séculos de opressão colonizadora. Aqui mulheres se encontraram numa encruzilhada brasileira, entremundo que revela a potência sagrada do feminino ancestral.

O inédito Solares Brincantes é um encontro de apreciação de processos criativos entre mulheres que brincam e o público. O projeto traz mais uma abertura na cena contemporânea para as invenções da cultura popular brasileira na cidade. São quatro solos de Luciana Meireles, Camila Oliveira, Júnia Cascaes e Letícia Coralina. Cada uma com a benção de suas mais velhas, mestras de vida, com suas vivências nos quintais Brasil adentro, trazem seus anos de aprendizado com a capoeira, o samba de coco, o samba de roda, com as bandas de pife, a palhaçaria, o mamulengo, o teatro de terreiro, o samba pisado, a pedagogia griô, o maracatu rural e o cavalo marinho.

Solares Brincantes é um quintal que se abre para que mulheres fortaleçam seus trabalhos autorais, e para que o público comungue com as tantas vozes, que são avós, mães, tias, filhas, netas, irmãs. Um coro com asas, dançante, numa pulsada lunar, rumo as lembranças do caminho de quem se encanta.

CARTAZ SOLARES BRINCANTES


A BENÇA
Como aprendizes das tradições culturais artisticas afro-índigenas e brasileiras, pedimos a benção a quem veio antes de nós, às nossas mestras e mestres que abriram caminhos para que possamos hoje em liberdade criativa honrar essa ancestralidade. A bença às bisavós, Geralda de Jesus, Filomena Maria, Estelita Mangueira, as avós Lordes e Dona Ana, Ivone Rosa e Adele Alzira. Aos brincantes da zona da mata pernambucana, em especial Mestre Salustiano, Mestre Agnaldo, Mestra Nice e ao inconfundível Maracatu Rural Coração Nazareno de Nazaré da Mata. Às mestras candangas Martinha do Coco e Tete Alcandida, às educadoras populares Lillian Pacheco, Nadia Akauã, Dona Dalva, Luzia Francisca da Conceição e a parteira Valdeci Santana. A bença a Seu Estrelo e todo o Fuá de figuras e brincantes de seu Terreiro, a Tico Magalhães, Chico Simões, Zé Regino, Mestre Zé do Pife e Mestre Formiguinha.


FICHA TÉCNICA

Realização: Casa Moringa
Direção: Camila Oliveira, Luciana Meireles, Júnia Cascaes e Zé Regino e Leticia Coralina
Brincantes: Camila Oliveira, Luciana Meireles, Júnia Cascaes e Leticia Coralina
Músicos: Daniel Carvalho, Gabi Tunes, Nara Oliveira, Shaira Ribeiro, Laura Dorneles, Fernando Cheflera, Isac Martins, Rafael Severo, Marília Nóbrega, Ely Janouville e Mariano Toniatti.
Concepção e operação de luz: Ana Quintas
Técnico de Luz: Lemar Rezende
Figurino: Camila Oliveira, Aline Corujas, Maria Villar, Luciana Meireles e Júnia Cascaes, Leticia Coralina, Natália Solorzano
Coordenação de Produção: Marina Olivier e Camila Oliveira
Assistência de Produção: Deni Moreira
Arte Gráfica e Design: Aline Corujas
Fotografia: Tatiana Reis
Filmagem: Thiago S. Araújo
Assessoria de Imprensa: Davi Mello



SERVIÇO

Solares Brincantes
Sala Multiuso (Espaço Cultural Renato Russo 508 Sul – 98602-0732)

DATA:06, 07 e 08/12
HORARIO: Sexta e sábado, 20h; e domingo, 19h

Ingresso: R$ 20,00 e R$ 10,00
(Antecipados pelo SYMPLA ou 1 hora antes da abertura de portas)
Classificação Indicativa: Livre
Contatos: (61) 98422-7194 (Marina Olivier) / solaresbrincantes@gmail.com

Deixe uma resposta